Só achei bem limitado, mas bem ilustrativo. Clique na imagem pra ampliar.

Vi no Nós Geek.

Todo gamer deve a Nintendo pelo que acontece hoje nesse mundo de ídolos mensais, todo gamer deve respeito ao encanador gorducho pelo alcance que conseguiu. O vídeo abaixo mostra muito bem essa trajetória e pra você que, uma única vez que seja, tenha ouvido falar no Super Mario em sua vida, com certeza deu uma saudade daquelas quando assistiu esse vídeo e apontou todo orgulhoso:

– Olha, eu joguei esse. Que massa!

Esse outro aqui só mostra a vantagem que é saber o caminho das pedras e pegar o Ken, Street Fighter, na surdina.

Se liga na versão dessa música do Queen, Don’t Stop Me Now, utilizando a trilha da fase de Super Mario World. Genial e de um japa, claro, nós humanos não conseguimos tal proeza. O site americano e japonês possuem conteúdo especial pra data. Confere lá. A franquia é, até hoje, a mais rentável dos games, desde Nintendo, passando pelo Super, o N64, GameCube e hoje campeão no Wii. O bigodudo aí é forte. Go Mario!

Deu pra perceber que gosto de Star Wars, certo? Mas se não acompanha o blog, nem importa isso. Vamos ao que interessa, o set de imagens a seguir foi produzido por um fotógrafo argentino que se denomina como “Marker“. As fotos além de apresentarem alto realismo, trazem um contexto bastante humorado e cheio de detalhes da “vida” dos personagens de Star Wars.

Via

Sem palavras.

Via

Sou fã de The Big Bang Theory, um dos poucos seriados que me faz sorrir mesmo com suas risadas de platéia forçada ao fundo. No início dava pouca credibilidade ao seriado e nem achava tão engraçado. O tema abordado é o relacionamento nerd e não sei porque cargas d’água resolvi assistir mais alguns. Bazinga!

Os personagens são ótimos. Desde o comportamento de Sheldon, passando pelos comentários de Leonard, o carisma da Penny até as extravagâncias de Howard e o deboche de Raj com sua própria nacionalidade fazem o seriado mais divertido.

Abaixo um vídeo criado com a música de abertura da série The Big Bang Theory. A canção se chama The History of Everything da banda Barenaked Ladies. O clipe é todo desenhado e traduz a música ao pé da letra. Confere:

Pegando onda e aproveitando o mesmo post, mostro uma simples animação no estilo flip book justamente sobre o Big Band, bem divertido, confere aí:

Via

O Hard Rock Cafe Vegas (EUA) oferece um atrativo bastante ousado e inovador: uma enorme parede interativa multi-touch de alta resolução onde os visitantes podem navegar num variado acervo de dados referentes ao mundo do rock através do toque.

Chamada carinhosamente de “Rock Wall”, a parede funciona com três projetores HD que apresentam as imagens numa tela de cristal.  A tela-parede mede 5,4 metros de largura por 1,2 de altura, e pode ser usada por 6 pessoas ao mesmo tempo.

A Rock Wall foi criada pela Obscura Digital, rodando aplicações do Microsoft Surface.

O vídeo acima dá um gostinho desse atrativo hi-tech…

Soube pelo tweet do @powerbits e vi no blog Eventorama.

Ontem eu falei dos penduricalhos que os rapazes carregam, hoje é a vez das moçoilas. Como cite o trampo é de Jason Travis e mostra o compõe ou colabora para a formação do comportamento de uma pessoa. Muito legal. Só clicar aqui e ver os personas masculinos.