É curioso perceber como damos importância a algumas coisas.
Anteontem só pra dizer que foi recente lançaram o projeto LHC, que irá simular em proporções infinitamente menor o surgimento do universo através do choque de 2 feixes de luz. Incrível, não?

Sim, é incrível, mas e daí? O que você, humilde trabalhador vai ganhar com isso? É, estou sendo irracional ao não considerar que será uma descoberta ímpar para a comunidade científica e para humanidade, e daí? É você que paga minhas contas? Então posso achar o que quiser da maneira que me convir.

Acredito que dê certo e aquelas plaquinhas de ferro irão segurar uma pequena partícula de energia na velocidade da luz, por que não iria? Só porque ninguém tem certeza absoluta do tamanho do universo e proporcionar um experimento desses com certeza é tão arriscado quanto descontinuar a nossa existência, mas e daí? Por que não envolvidos no assunto diretamente querem saber tanto do LHC? E por que menciono tanto ele já que até o título foi em homenagem e minha intenção é falar que posso ligar o ar-condicionado e por ali vejo minha gasolina se evaporando, por que o preço do combustível tá um absurdo e se economizamos morremos fritos, por que o clima na nossa queridíssimas cidade faz 33º em plena 8 da manhã e provoca desidratação, tosse seca, o escambau. E se usamos essa maravilha de rerigeração sentimos nosso dinheiro ser tomado.

Por que, meu deus, eu pago um absurdo pela gasolina por um país que é subsistente em petróleo e agora tá em direção ao pré-sal. Ter que dar a cara a bater depois de assinar acordo com a revolucionária Bolívia depois que tivemos a Petrobrás do lado de lá tratada como estatal e sem nenhuma reação, é dose. Ainda temos que aguentar o corte de gás por que alguns moleques decidem que assim seja. O pior é assistir a isso e nem lembrar que o preço da gasolina continua lá em cima, mesmo com a produção da cana-de-açúcar normalizada, com a instalação de mais bacias de petróleo sendo escavadas no gigante litoral brasileiro e o LHC lá na França, rodando pra gente.

Ninguém lembra disso? Pior que lembrar sozinho são dois trabalhos: é ficar bravo e esquecer de ficar bravo.

Anúncios